X

PERGUNTAS
FREQUENTES

Como são os boxes?

Disponibilizamos boxes de todos os tamanhos, a partir de 1m². Todos nossos boxes possuem monitoramento eletrônico e vigilância 24h por dia. A GuardaBem se preocupa com sua privacidade, todos boxes são individuais e só você tem acesso a chave.

O que posso armazenar nos boxes?

Mercadorias e produções em geral; Equipamentos de trabalho e lazer; Móveis e pertences durante mudanças, reformas e viagens; Apoio à logística com pouca área de estoque; Matérias-primas, materiais de escritório, materiais promocionais, livros, papéis e revistas; Importação/Exportação; Arquivo-morto e demais documentos de empresas;

Quem mais tem acesso ao meu box?

Somente você, ou pessoas por você autorizadas, que conste no contrato.

O armazenamento é caro?

O custo do box locado varia de acordo com o tamanho, a GuardaBem dispõe de mais de 20 tamanhos. O tempo de locação também define seu preço, oferecemos ótimos preços para locações com tempo maior.

Quais taxas tenho que pagar?

Nenhuma, você paga somente o valor da locação pelo seu box (de acordo com o tamanho escolhido).

Como pagar pelo box?

No ato da assinatura do contrato é paga a 1ª mensalidade, e os próximos subsequentes a cada 30 dias, através de Boleto Bancário.

Por quanto tempo posso utilizar o box?

O contrato é renovável mensalmente, rescindível pelo cliente a qualquer momento.

Qual a documentação necesaária para locação?

Pessoa Física: Cópia do CPF, RG e Comprovante de Residência. Pessoa Jurídica: Cópia do CNPJ, Contrato Social, Última alteração, Comprovante de endereço e RG do responsável da empresa. Obs.: Mercadorias novas e comercializáveis dependem de NFs.

A GuardaBem possui o transporte?

Não possuímos este serviço. O transporte é por conta do cliente, porém indicamos empresas especializadas.

X

Quero um
Orçamento

Ao fazer o seu pedido de orçamento, tenha em mente que o tamanho do box e o tempo de permanência são os principais fatores que influenciam o valor da locação.

51 3026.8818
51 99554.1812

Blog

O que você traz de uma viagem

16 de Março de 2018

Para viajar basta existir, já dizia o poeta Fernando Pessoa. Vamos combinar, viajar é bom demais e faz a nossa existência valer a pena. A própria ciência já se rendeu aos benefícios das viagens. Uma pesquisa da Universidade de Cornell, em Nova York, afirmou que viajar traz mais felicidade do que adquirir bens materiais. Pode ser um lugar distante, um país desconhecido ou uma praia pertinho da sua cidade: é um investimento que nos deixa mais felizes, "é única coisa onde gastamos dinheiro, mas que nos deixa ricos". Por isso, a gente sugere: vá em frente. Às vezes é preciso parar. Respirar. Arejar nossas vivências. 

Nós vivemos em um momento onde muita gente começou a questionar a velha fórmula: estudar, entrar na faculdade, arranjar um bom emprego, casar e ter filhos, criar raízes. Claro que tudo isso é ótimo, mas muita gente quer, além disso, também viver coisas novas, conhecer lugares diferentes e ter novas experiências. Não existe um jeito certo de fazer coisas, nem uma idade - existem vários jeitos, várias idades, e estamos numa época que permite que exploremos isso. Você pode juntar uma grana, ir conhecer o mundo e quando voltar, decidir o que fazer da vida. Ou continuar exatamente de onde parou. Ou pode casar, ter filhos e levar sua mulher e crianças como companheiros de aventuras. 

Sair é, muitas vezes, a melhor forma de nos encontrarmos – por mais irônico que possa parecer. Quando você está viajando, você se conhece. Você está fora do seu lugar comum. Afastado da rotina, tudo que resta é você mesmo. É assim que você percebe que existe vida e um mundo gigante lá fora. É fácil esquecer os sentimentos ruins que às vezes ficam para trás, e passamos a dar valor a nós mesmos e as experiências que estamos vivendo. Deixamos o mal de lado e damos um minuto de comunhão para ficar em paz com nós mesmos.

Além de poder explorar a si mesmo, viajar permite que você possa conhecer os povos do mundo e suas peculiaridades. Você desenvolve empatia, vivendo através da cultura e das tradições de outros. Você aprende humildade - quantas coisas acontecem nesse mundo que não entendemos? Você aprende a ouvir, a aceitar. São tantos povos, tantas diferenças. Uns são mais parecidos que os outros, mas você sempre encontra uma diferença típica de cada país ou região. Se em território nacional, um gaúcho e um carioca já são povos praticamente diferentes, imagina quando você senta para conversar de religião com um egípcio, de política com um coreano, e sobre esportes com um finlandês! Sem falar em experimentar sabores diferentes, ou poder consumir a cultura e arte de outros lugares. Nem que seja trazer lembrancinhas bacanas!

Viajar não é tão difícil, só exige planejamento. Não sabe onde deixar suas coisas enquanto viaja? Deixe com um amigo, venda tudo, alugue um box em um guarda-móveis e deixe tudo organizado e seguro para sua volta. Não tem dinheiro? Economize! Tem certeza que precisa comprar esse refrigerante? E esse sapato? Que tal criar uma poupança de viagem? é mais fácil do que parece. Não sabe para onde ir? Esse mundo é enorme e lindo, feche os olhos e escolha um local, ou então pesquise onde tem os melhores museus, os melhores esportes, a melhor comida. Opção não falta! Tem medo de viajar? Bom...talvez você devesse ter medo de nunca sair da sua zona de conforto. Não encontre desculpas, encontre algo que lhe faça feliz.

Embarque agora. Seja qual for o seu destino, a felicidade te espera de braços abertos. Boa viagem!

0 Comentários

Deixe o seu comentário

Agencia Órbita