X

PERGUNTAS
FREQUENTES

Como são os boxes?

Disponibilizamos boxes de todos os tamanhos, a partir de 1m². Todos nossos boxes possuem monitoramento eletrônico e vigilância 24h por dia. A GuardaBem se preocupa com sua privacidade, todos boxes são individuais e só você tem acesso a chave.

O que posso armazenar nos boxes?

Mercadorias e produções em geral; Equipamentos de trabalho e lazer; Móveis e pertences durante mudanças, reformas e viagens; Apoio à logística com pouca área de estoque; Matérias-primas, materiais de escritório, materiais promocionais, livros, papéis e revistas; Importação/Exportação; Arquivo-morto e demais documentos de empresas;

Quem mais tem acesso ao meu box?

Somente você, ou pessoas por você autorizadas, que conste no contrato.

O armazenamento é caro?

O custo do box locado varia de acordo com o tamanho, a GuardaBem dispõe de mais de 20 tamanhos. O tempo de locação também define seu preço, oferecemos ótimos preços para locações com tempo maior.

Quais taxas tenho que pagar?

Nenhuma, você paga somente o valor da locação pelo seu box (de acordo com o tamanho escolhido).

Como pagar pelo box?

No ato da assinatura do contrato é paga a 1ª mensalidade, e os próximos subsequentes a cada 30 dias, através de Boleto Bancário.

Por quanto tempo posso utilizar o box?

O contrato é renovável mensalmente, rescindível pelo cliente a qualquer momento.

Qual a documentação necesaária para locação?

Pessoa Física: Cópia do CPF, RG e Comprovante de Residência. Pessoa Jurídica: Cópia do CNPJ, Contrato Social, Última alteração, Comprovante de endereço e RG do responsável da empresa. Obs.: Mercadorias novas e comercializáveis dependem de NFs.

A GuardaBem possui o transporte?

Não possuímos este serviço. O transporte é por conta do cliente, porém indicamos empresas especializadas.

X

Quero um
Orçamento

Ao fazer o seu pedido de orçamento, tenha em mente que o tamanho do box e o tempo de permanência são os principais fatores que influenciam o valor da locação.

51 3026.8818
51 99554.1812

Blog

Xô, mofo!

26 de Junho de 2019

Conviver com o clima úmido do estado significa conviver com ele: o mofo. A guerra é constante e implica não apenas nas manchas feias que aparecem, mas também na nossa saúde respiratória que não se dá muito bem com fungos.

 

Pensando em você, na sua casa e na sua saúde, trouxemos algumas dicas que vão te dar bastante vantagem nessa briga!

 

1. Deixe a casa respirar!

Sempre que o sol sair, abra as janelas e deixa a casa ventilar. Inclusive no frio! Ambientes fechados são os favoritos do mofo.

 

2. Atenção à umidade

Por causa do banho quente, o banheiro é o local que mais acumula umidade. Por isso é tão comum surgir mofo nos rejuntes e azulejos. A dica é esfregar limão nos locais!

 

3. Nada de manchas

Mancha de mofo? Sem problemas. Misture 1 litro de água, 1 litro de água sanitária e 1 colher de sabão em pó e passe a mistura na mancha. Depois, finalize com um pano úmido. Sai como mágica!

 

4. A origem do problema

Investigue de onde vem o problema. Há algum vazamento na sua casa? Talvez uma infiltração? Sem consertar a origem do problema, você tem trabalho dobrado!

 

5. Espaço, por favor

Móveis, cortinas e roupas acumuladas facilitam a vida dos fungos. Tenha o costume de afastar os móveis da parede, lavar cortinas com regularidade e não guardar mais roupas do que o necessário. Se faltar espaço, você já sabe o que fazer: é só trazer tudo pra GuardaBem!

0 Comentários

Deixe o seu comentário

Agencia Órbita